Cuiabá sofre três gols em 15 minutos e dá adeus à Sul-Americana

0
Após perder por 1 a 0 na partida de ida, a Chapecoense saiu perdendo para o Cuiabá na noite desta quarta-feira (31/08), mas conseguiu a virada jogando na Arena Condá. O Verdão venceu por 3 a 1 para ficar com a vaga nas oitavas de final da competição. Douglas Mendes fez para os visitantes e os donos da casa viraram com Lucas Gomes e Bruno Rangel, duas vezes.
O adversário da Chapecoense nas oitavas de final da Copa Sul-Americana sairá do duelo entre os argentinos Lanús e Independiente. No jogo de ida, o Independiente venceu por 2 a 0 fora de casa e ficou bem próximo de avançar. Jogo de volta acontece somente no dia 14 do mês que vem.
Eliminado, o Cuiabá foi o primeiro time mato-grossense a disputar um torneio internacional e volta para casa com o sentimento de dever cumprido. Fica a experiência e a chance de colocar o nome do clube entre os grandes da América do Sul.
O JOGO
Por ter perdido o jogo de ida por 1 a 0, a Chapecoense começou pressionando o Cuiabá e logo aos cinco, Lucas Gomes assustou o goleiro André Luís, em chute de fora da área. Os visitantes responderam com Dakson. Pouco tempo depois, foi a vez de Bruno Rangel tentar e parar em André Luís. A situação piorou para o time de Chapecó aos 23, quando Douglas Mendes abriu o placar de cabeça. Time da casa pareceu sentir o gol e foi para o vestiário perdendo pela diferença mínima.
Na etapa final, as duas primeiras chances de gol foram dos visitantes, primeiro com Tiago Amaral e depois com Juba. Danilo, goleiro da Chapecoense, foi preciso nas duas jogadas para evitar o segundo gol. A Chapecoense também foi ao ataque em duas oportunidades. Na primeira, Arthur Maia errou o alvo, mas na segunda, Lucas Gomes de cabeça deixou tudo igual.
Quatro minutos após igualar o placar, os donos da casa viraram com Bruno Rangel aproveitando o rebote da trave. Precisando de mais um gol para sair com a vaga nas oitavas, a Chapecoense foi para cima e conseguiu o terceiro, novamente com Bruno Rangel. Após cruzamento de Dener, bola sobrou para o centroavante que encheu o pé e saiu para o abraço. Cuiabá sentiu o golpe e já não tinha forças para lutar.
750
Compartilhar

Deixe uma resposta