Desembargador mineiro é preso por pesca predatória em MT

0

Flagrante de pesca predatória na região do Pantanal no município de Poconé (104 km ao sul) resultou na prisão de grupo vindo de Minas Gerais. Entre os detidos, acusados do crime, estaria um desembargador aposentado daquele Estado.

Elas foram flagradas quando colocavam os 195 kg de pescado irregular e 12 de carne de jacaré.

Segundo informações preliminares de policiais do Batalhão de Polícia Militar Ambiental de Mato Grosso, a denúncia foi recebida na sexta-feira (19) e apontava que um grupo de pessoas vindo de Belo Horizonte, estaria promovendo pesca predatória em rios do Pantanal.

Inclusive utilizando de uma aeronave para transporte dos peixes. Em razão da dificuldade de acesso ao local, foi solicitado o apoio ao Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer), que durante todo o sábado (20) passou a monitorar o grupo com o serviço de inteligência do Batalhão Ambiental.

A abordagem da aeronave ocorreu na manhã deste domingo (21), quando foi constatado o crime e seus ocupantes foram detidos, bem como o pescado apreendido e submetido a medição.

Pescado e suspeitos foram encaminhados para a Polícia Civil de Poconé. Entre as espécies apreendidas estão jacaré e dourado, considerado em extinção.

alphaville

Compartilhar

Deixe uma resposta