DNIT deixa de atender apelo de sociedade Lacerdense em Rodovia Federal e carreteiro quase provoca mais uma tragédia.

0

 

Tudo indica que o Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte (DNIT) está se esquecendo realmente da BR 174, ainda mais depois de tantas reivindicações tanto da sociedade quanto do Inspetor da Polícia Rodoviária Federal.

Mau saiu a reportagem em que o Inspetor Airton Antônio da Silva cedeu a TV Guaporeí (clique e veja a matéria) falando sobre a necessidade urgente de uma lombada eletrônica e redutores de velocidade no trevo da Unemat para garantir a segurança dos alunos e condutores que utilizam daquela via, acontece um acidente velado.

No último dia 14 de março por volta das 22h na BR 174, especificamente nas proximidades do trevo da Unemat de Pontes e Lacerda, um motorista de carreta que transportava soja, veio a tombar o veículo para não colidir numa motocicleta e atropelar o condutor. Informações colhidas no local, é que o motorista da carreta teve que frear bruscamente fazendo com que o veículo tombasse no acostamento.

Os condutores tanto da carreta quanto da motocicleta não tiveram os seus nomes revelados a reportagem, mas a informação é que ambos não tiveram nenhum ferimento, somente o susto.

O fato gera revolta na região, uma vez que já aconteceu um acidente semelhante no local e uma vítima veio a óbito por falta de sinalização. Na entrevista, o Inspetor da Polícia Federal Airton Antônio da Silva realizou a sinalização no local com cones e relatou que já havia cobrado do DNIT providencia imediata sobre aquela localidade, já que a mesma é responsável pela sinalização da BR 174, e o órgão Federal disse a ele que a empresa que iria realizar o trabalho começaria dentre os próximos dias.

Outro lado:

Entramos em contato com o DNIT e até o fechamento desta matéria não houve resposta.

Nota de Retratação.

Este colunista ao redigir a matéria com título “DNIT deixa de atender apelo de sociedade Ponteslacerdense em Rodovia Federal e carreteiro quase provoca mais uma tragédia” publicada neste veículo digital de comunicação, errou ao comunicar que o Inspetor da Polícia Rodoviária Federal Airton Antônio da Silva havia solicitado lombada eletrônica e redutor de velocidade. No local em questão, trajeto do trevo da Unemat, a Polícia Rodoviária Federal somente realizou a sinalização com cones, sendo que o Inspetor ao ser entrevistado por uma emissora local de televisão, apenas falou sobre os motivos da sinalização que realizou devido a alta velocidade que os veículos trafegam naquela localidade.

Esta coluna pede formalmente desculpas pelo equívoco e quaisquer transtornos provocado pela publicação e salienta ainda que somos pautados em esclarecer todos os fatos e divulgar a verdade real para o centrado da informação.

Marcos A. Souza

DRT 1922/SC

 

Compartilhar

Deixe uma resposta