Em ação do Gefron contra o tráfico de drogas e retirada ilegal de madeira suspeito morre baleado em Vila Cardoso.

0

Após uma denúncia anônima de que na região de Vila Cardoso, próximo ao ferrugem, se encontrava acampamentos de apoio para o tráfico de drogas e  retirada de madeira ilegal bem como grilagem de terra e atendendo também o chamado do Sr. Geraldo Pilati Alba que estava sofrendo ameaças a sua vida e de sua família e sendo impedido de entrar em sua fazenda uma equipe do GEFRON  foi até o local para atender a ocorrência.

Durante a entrada na fazenda foi encontrado uma armadilha artesanal, e utilizando técnicas de rastreamento foi encontrado um acampamento. No local haviam 4 pessoas, sendo três homens e uma mulher.

Após a abordagem o suspeito identificado como Batista Francisco de Oliveira que portava uma Pistola Imbel 9mm, numeração raspada, tentou se evadir do local efetuando disparos contra a equipe do Gefron que de pronto, reagiu no intuito de cessar a injusta agressão,momento que o suspeito foi baleado, outro suspeito não identificado, portava uma arma Calibre 12 e fugiu pelo mato, os outros dois suspeitos foram detidos no local sendo eles Mauro Gomes de 52 anos e  Juliane Ferreira de Almeida de 35 anos.

No acampamento foi encontrado diversas munições Cal 12. Logo após os fatos, o suspeito foi socorrido até o hospital de Porto Esperidião, sendo atestado seu óbito pelo médico Gledson Rangel.
Diante dos fatos os suspeitos foram encaminhados para a DEFRON, para as providências cabíveis.

Foto: ( Divulgação GEFRON) Acampamento usado pelos suspeitos

 

Compartilhar

Deixe uma resposta