SOLENIDADE DE PASSAGEM DE COMANDO REGIONAL 1 DA PMMT

0

O LIG3000 FALA 750

O coordenador do Gefron – Tenente coronel Jonildo José de Assis, prestigiou na manhã desta quinta-feira (11.02) a solenidade de passagem do Comando Regional 1 da Polícia Militar do Estado de Mato Grosso. A solenidade foi presidida pelo subchefe do Estado Maior, coronel PM Rhaygino Setúbal, assumiu o tenente-coronel Jorge Luiz de Magalhães, em substituição ao coronel Gley Alves de Almeida Castro, que mês passado deixou o 1º CR para assumir o Comando Geral da Polícia Militar.

O tenente-coronel Jorge Luiz comandava o 13º CR de Água Boa. Além do policiamento de Cuiabá, ele também passa a coordenar as ações da PM em Chapada dos Guimarães, Santo Antônio de Leverger, Barão de Melgaço, Planalto da Serra e Nova Brasilândia.

Graduado em Educação Física e Direito, o novo comandante é especialista em Segurança Pública e em Gestão de Segurança Pública, ambos pela UFMT. Também tem curso de Aperfeiçoamento de Oficiais e Gerenciamento de Crise.

(13) GEFRON

Na mesma solenidade houve substituições nos Batalhões e companhias.
O tenente-coronel Edivaldo de Souza Oliveira assumiu o comando do 1º Batalhão (Porto) em substituição ao tenente-coronel Maurício, que na próxima semana assume o 4º CR em Rondonópolis. No 3º Batalhão, deixou o cargo o tenente-coronel Manoel Bugalho Neto e assumiu o tenente-coronel Fábio Luiz Bastos.
Já o tenente-coronel Marco Antônio Guimarães, ex-corregedor administrativo, substituiu o tenente-coronel Delwison Sebastião Maia da Cruz no comando do 10º BPM.

O secretário de Segurança Pública, Fábio Galindo, o secretário-adjunto de Ações Integradas da Sesp, coronel Joelson Sampaio, o deputado estadual Pery Taborelli, entre outras autoridades, prestigiaram a solenidade.

“ A todos os oficiais que assumiram essa nova missão desejamos sucesso e êxito. Nós do Gefron nos colocamos a disposição, oferecendo-lhe todo o apoio necessário. Finalizou ten. cel Assis.

GEFRON

12654221_945025178915884_8821589921037214696_n

Compartilhar

Deixe uma resposta