TRAGÉDIA EM TREINAMENTO: Aluna da PF é autora de disparo que matou agente em MT.

0

O policial federal Frederico Moreira, 43 anos, foi morto após ser baleado acidentalmente por uma aluna da corporação que realizava o curso de treinamento da Polícia Federal em um estande de tiros em uma unidade do Exército por volta das 17h50 desta segunda-feira (6), em Aragarças (GO), 

Moreira, que era instrutor do Serviço de Armamento e Tiro da PF, ministrava o curso no 58º Batalhão de Infantaria Motorizado quando foi atingido no tórax.  No local, foram realizados os primeiros socorros e o policial foi levado ao hospital Getúlio Vargas, em Aragarças, e transferido depois para o Hospital MedBarra, em Barra do Garças, onde não resistiu aos ferimentos e morreu horas depois.

O superintendente da PF em Mato Grosso, Sérgio Sadão Mori, viajou para Barra do Garças nesta terça-feira (6) para acompanhar o caso. Oliveira era lotado na delegacia da Polícia Federal no município.

O agente era de Brasília (DF), onde foi velado e enterrado. A Polícia Federal já abriu um inquérito para apurar a morte.

FERNANDA RENATÉ/FolhaMax

Compartilhar

Deixe uma resposta